Troféu Joaquim Agostinho

July 9, 2019

O 42.º Grande Prémio Internacional de Torres Vedras – Troféu Joaquim Agostinho, vai realizar-se entre 11 e 14 de julho. A corrida portuguesa há mais tempo inscrita no calendário da UCI, vai juntar um pelotão de 132 corredores, defendendo as cores de 22 equipas.

Os ciclistas vão encontrar um percurso variado, que se inicia, pelo quinto ano consecutivo, com um prólogo de 8 quilómetros, na freguesia do Turcifal, a disputar ao final da tarde de dia 11 de julho. A primeira etapa em linha terá 156,8 quilómetros, entre a Adega Cooperativa da Ventosa (12h40) e Sobral de Monte Agraço (16h20). O percurso, sem grandes dificuldades montanhosas, permite aos velocistas pensar num dia de glória.

A segunda etapa começa na Atouguia da Baleia, às 12h45 de dia 12, e termina, ao cabo de 152,7 quilómetros, no centro de Torres Vedras (16h30). O final acontece à quinta passagem pela meta. Este é o dia do circuito de torriense, no sobe e desce da serra da Vila do Varatojo. É uma jornada seletiva, capaz de provocar algumas diferenças de tempo.

A corrida termina com a etapa-rainha, 179,3 quilómetros desde a Foz do Arelho (11h45) até ao alto de Montejunto (15h54). A meta coincide com um prémio de montanha de primeira categoria, que será antecedida por três subidas de terceira categoria e uma de primeira, esta apenas a 5,3 quilómetros da contagem de montanha coincidente com a chegada.

Para esta prova, a Miranda-Mortágua alinhará com seis ciclistas, número máximo permitido. Hugo Sancho, Sergio Vega, Gaspar Gonçalves, Daniel Freitas, Cristian Mota e Jesus Nanclares defenderão as cores Miranda-Mortágua nesta prova que será a última antes da prova mais esperada ao longo de todo o ano, a Volta a Portugal em Bicicleta.

Imagens

Sponsors

Logo
Logo
Logo